4. Próximas Paradas

2a Temporada (Nov/2017 – Jun/2018)


Exumas, Bahamas

de 1/Nov até 30/Dez (2017)

 

Exumas é um paraíso na terra, sem dúvida, nosso lugar preferido no Caribe. Este conjunto de ilhas fica próximo a capital das Bahamas (Nassau) porém por aqui a civilização pouco aparece.

São inúmeras ancoragens em frente a praias muito bem abrigadas de areia branca e fina, água turquesa, cada uma com sua atração especial.

Em cada ilha encontramos um tipo de atração: em uma delas com porcos selvagens que nadam até os turistas, em outras as arraias vem como gatos pedir carinho e alimento, várias com trilhas até o topo do morro, e outras perfeitas para pesca de lagosta e dourado. Mas sem exceção, em todas elas encontram-se lindas praias atendendo a todos os estilos.

Aqui é ponto obrigatório para todos os velejadores que estejam velejando pela região. Já estivemos 4 meses por aqui, e estamos loucos para voltar.

Atrações: mergulhar em naufrágios, em aviões afundados, remar de standup ou kayak, pescar lagostas, dourados, alimentar tubarões, fazer trilhas, explorar ilhas desertas, velejar em águas abrigadas e confortaveis, tocar violão na fogueira a noite, e jogar muita conversa fora.


 

Jamaica

de 1/Dez a 15/Dez (2017)

 

Terra do Reggae e do Bob Marley, a Jamaica é conhecida pelo estilo rastafári, pelo rum e principalmente pelas belezas naturais que incluem vegetação exuberante e praias paradisíacas.

A terceira maior ilha das Caraíbas, localizada no arquipélago das Grandes Antilhas, encanta a todos que ali chegam. Não por acaso Cristóvão Colombo, quando a descobriu em 1494, a descreveu como “a ilha mais bonita que os meus olhos já viram”.

 


San Blás, Panamá

de 20/Dez a 30/Abril (2018)

O arquipélago – localizado no Panamá – faz parte da Comarca indígena de Kuna Yala (ou Guna Yala, segundo a língua nativa). Todas as ilhas – menos de 50 delas habitadas – são comandadas pelas famílias dos Kunas.

Chegar até aqui e viver junto com os índios e “se perder” por este paraiso selvagem de águas cristalinas sempre foi um dos nossos grandes sonhos da vida a bordo.

São mais de 365 pequenas ilhas com natureza selvagem, rodeadas por coqueiros e mar cristalino. Barracudas, polvos, lagostas, fazem parte do cardápio além de frutas e outras especiarías trocadas com os índios.

Aqui é a “meca” dos velejadores que rodam pelo Caribe – e normal encontrar famílias que quando por aqui chegam ficaram meses e meses seguidos.

 

Atrações: conviver com os índios, remar de standup ou kayak, pescar lagostas, dourados, explorar ilhas desertas, velejar em águas abrigadas e confortaveis, tocar violão na fogueira a noite, conviver com outras famílias velejadoras, conhecer gente de tudo quanto é canto do mundo e jogar muita conversa fora.

 


Boca del Toro, Panamá

de 1/Maio a 15/Maio (2018)

Os turistas que visitam Bocas del Toro muitas vezes então em busca de cenários mais ocultos. Há quem vá ao arquipélago para realizar belos mergulhos em profundidade ou mesmo snorkeling na superfície.

Os viajantes que chegam a Bocas se dividem basicamente entre surfistas em busca de boas ondas e apaixonados por praias nativas. São pessoas descoladas, despreocupadas e extremamente despojadas.

Bocas del Toro é realmente viciante. As ruas lotam de turistas estrangeiros, as casas de madeira – construídas sobre palafitas – criam um ambiente mais colorido e vivo e o sorriso do povo termina de completar o astral do lugar. É bom para turista, bom para surfista, e não se engane: é muito bom para velejador também dado as várias ancoragens abrigadas com água clara.

 


Isla San Andres, Colômbia

de 15/Maio a 30/Maio (2018)

Localizado no Mar do Caribe, o arquipélago de San Andrés é composto pelas ilhas de San Andrés, Catalina e Providência, além de várias ilhotas chamadas cayos.

Apesar de pertencer à Colômbia, a 780 km de distância, San Andrés fica mais perto da Nicarágua, são apenas 190 km. A água que rodeia o arquipélago tem tantas variações de tonalidades, que ganhou o apelido de Mar de Sete Cores.

 

Atrações: Com praias banhadas pelo mar azul do Caribe, San Andrés é um destino excelente para os mergulhadores, já que está cercada por recifes de corais. Outras atrações imperdíveis são a Caverna de Morgan, o bairro La Loma, o Balneário West View e as ilhas próximas de Providencia e Santa Catalina.


Isla Providencia, Colômbia

de 1/Junho a 15/Junho (2018)

Isla Providência, pertence a Colombia e fica a 70 km de San Andres. Declarada pela Unesco como Reserva Natural da Biosfera, a ilha encanta a todos com seus mais variados tons de azul.

É um refúgio para todos que buscam tranquilidade e contato com a natureza. Aqui o luxo dá lugar à simplicidade, o conforto cede espaço para a rusticidade e o agito se rende à paz.

Um lugar para esquecer o tempo e deixar a vida acontecer, agora, sem pensar no passado, sem preocupações com o futuro, simplesmente viver o presente.

 


Cuba